Excursão de "O Quilombola"

Todos madrugaram nesta manhã de sábado.

O ônibus de excursão cedido pelo projeto “Corredores Ecológicos” buscou a galera do quilombo as 5:30 e só retornou bem depois das 22:00. Foi um dia repleto de atividades afro-culturais e ambientais, debates sobre mobilização comunitária e social, e muita troca de conhecimentos.

As atividades foram diversas, a comunidade de Monte Alegre em Cachoeiro de Itapemirim-ES, possui roteiro e infra-estrutura para agradar todos os gostos.
Começamos na sede com Leonardo contando um pouco da história da comunidade.

Assistimos a uma linda e emocionante apresentação de Caxambú, onde até nosso convidado especial do Instituto EDP, Paulinho, não resistiu ao axé.
Seguimos para a trilha das árvores centenárias da floresta Nacional de Pacotuba. Os guias são próprios quilombolas da comunidade de Monte Alegre, que através de cursos de ecoturismo se especializaram para guiar turistas por aquelas trilhas, e fazem questão de contar cada detalhe e curiosidade. Vimos macacos “barbudo” e uma casa de cupim tatú no caminho, até uma nascente e diversas árvores brasileiras que estão ameaçadas.
Nossa guia deixou um recado para as crianças:
Daqui da trilha só se levam fotos e boas recordações, tudo deve ser deixado como está! As crianças e os adultos adoraram o passeio.
Galera na trilha das árvores centenárias.
Depois da trilha nada como uma comidinha feita no forno a lenha pra repor as energias, com direito a cardápio cheio de história no restaurante “Cozinha de Senzala”.
Angú de banana, é um dos pratos típicos dos escravos. A galera se esbaldou.
Pausa para descanso, as crianças observaram o “joão caxeiro” em cima do coqueiro e depois a palavra ficou com o pessoal do Instituto EDP com distribuição de brindes.
Foi um longo e divertido dia, assistimos às apresentações culturais de dança-afro, capoeira e teatro. Ao fim, Ananda puxou uma roda que misturou os quilombos com muito axé.
O lanche da tarde estava uma delícia, bolos de todos os tipos, sucos e café. As doceiras de Monte Alegre puderam mostrar os doces que fazem na comunidade pra vender.
Tomamos banho e nos preparamos para a noite, onde houve um imprevisto na programação, a chuva nos impediu de ir na trilha noturna, mas acabamos fazendo uma “mesa redonda” e um bate-papo muito proveitoso sobre ações empreendedoras nas comunidades. Partimos de volta na paz de Deus.
Axé e nosso muito obrigada pela calorosa recepção Monte Alegre, até a proxima!!!

1 Comment

  1. adorei ver o otimo trablho q vcs estao fazendo!
    eu tbm faço capoeira ! e estudo em pacotuba perto de mont alegre ja fui la comhece a comunidade quilombola e foi muito maneiro e interessante!
    parabems pelo otimo trabalho

    facebook:zezinho marchette